sexta-feira, 1 de julho de 2016

THE POLICE



Every breath you take / Every move you make
Every bond you break / Every step you take
I'll be watching you...

Os versos acima vêm da música "Every breath you take", composta em 1983 pelo grupo inglês The Police, e me serviu de inspiração pra criar o texto sobre o carrinho Playmobil da Polícia, fabricado pela Estrela 10 anos depois do hit musical.

Ganhei a caixa – vazia – no mês de junho, de presente de um grande colecionador que está de partida de São Paulo rumo à ensolarada Fortaleza, no Ceará. E com "frete grátis", pois o amigo veio ao Rio e pudemos nos encontrar pra bater papo e, claro, buscar a caixinha.

Sob o código Estrela 30.14.10, o item na verdade foi lançado em 1986 pela fábrica alemã Geobra, apenas para o mercado exterior. Isso porque a versão doméstica (para a Alemanha), criada em 1977, manteve por mais de 20 anos os carrinhos de polícia na cor verde e com a inscrição "Polizei" no lugar onde aqui aparece "Police". Em 1991, a caixa da viatura policial preta e branca foi reeditada, sendo essa que a Estrela trouxe ao Brasil, em 1993.

A embalagem basicamente mostra o carro e seu único boneco em vários ângulos. Mas o detalhe que mais chama atenção é o diorama exibido no verso, representando uma colisão de trânsito – resquício de uma época em que a empresa ainda se preocupava em montar cenários com seus brinquedos, aguçando ainda mais a imaginação da criançada, que torcia para ganhar as demais peças e reproduzir em casa uma brincadeira semelhante.

Seguem as fotos e um versinho que pode até representar a paixão do colecionador por sua coleção:

Oh can't you see
You belong to me...




 





Caixa Estrela do carro de Polícia Playmobil, fabricado no Brasil em 1993
Caja Estrela del coche de Policía Playmobil, producido en Brasil en 1993
Estrela box of Playmobil Police car, made in Brazil in 1993


.

domingo, 19 de junho de 2016

VIAGEM AO PASSADO


Esse post é rapidinho, só pra aproveitar a foto que foi tirada pelo amigo e colecionador Luciano Juliatto, há poucos dias, em São Bernardo do Campo (SP). Lá no bairro Rudge Ramos ainda passam ônibus em direção a um endereço que infelizmente já não existe mais... a Fábrica da TROL.

Dá até vontade de pegar esse busão e fazer uma viagem ao passado – e, quem sabe, visitar a antiga fábrica de sonhos, que presenteou nossa infância com tantos brinquedos fantásticos. Incluindo o Playmobil, claro!

Pelo que me consta, no local onde funcionava a fábrica, hoje resta apenas um pátio com carros semiabandonados. Mas o logradouro permanece vivo na boca do povo. E no imaginário de todos os que foram crianças nos anos 60, 70 e 80. Um pedacinho do passado que teima em se fazer presente!


Sessão saudade: Vamos embarcar nesse ônibus?
Sesión nostalgia: Súbete al autobús! 
Seventy's feelings: Let's get on this bus!


.

terça-feira, 17 de maio de 2016

CLUBINHO PLAYMOBIL


Admito que não tenho maiores informações, nem mesmo uma vaga lembrança, do que se trata esse Clubinho Playmobil. Sei que vinha anunciado dentro de revistas em quadrinhos logo depois que o brinquedo alemão chegou ao Brasil, no fim de 1976, num bom e velho Cartão-Resposta Comercial com porte pago.

Acredito que nunca houve "atividade social" no tal Clube. A criança enviava a carta para a fabricante Trol e recebia algum brinde (quem sabe um chaveirinho ou uma carteirinha de sócio?). Numa época anterior à internet, aos e-mails e aos call centers, era uma boa maneira de tentar fisgar a fidelidade do consumidor.

Fico feliz em ter conseguido um anúncio desses, pois essa papelada tornou-se rara com o tempo: lá se vão 40 anos! Se algum amigo internauta que estiver lendo o post neste momento souber mais detalhes do Clube, pode entrar em contato ou enviar um comentário. Este blogueiro está sempre em busca de respostas!




Quem se lembra do Clubinho Playmobil da TROL? Eu não lembro...
?Alguien se acuerda del Clubinho Playmobil? Yo no consigo...
Does anyone remember Playmobil Club in Brazil? I don't recall...


.

terça-feira, 3 de maio de 2016

PLAYMOBIL EDUCACIONAL


Através da grande comunidade "Playmobílica" internacional, este blogueiro ficou sabendo de uma curiosidade que merece registro aqui. Um curso de língua portuguesa, em Buenos Aires, utiliza como material de aprendizado uma reportagem de TV sobre a Exposição Playmobil 35 anos, realizada no Rio de Janeiro em 2009. E o mais legal: o livro didático faz perguntas sobre o brinquedo e sobre os colecionadores entrevistados!

A foto que abre este post mostra a capa do livro, usado pela Casa do Brasil, para ensinar português aos hermanos argentinos. Abaixo, exibimos a página onde os alunos do curso têm de responder a algumas questões para fixar a lição, após terem assistido a uma reportagem gravada pelo SBT em novembro de 2009, dentro do Museu Militar Conde de Linhares. 



Muito bom constatar que nosso brinquedo preferido, bem como as atividades realizadas pelo grupo de colecionadores e fãs do Fórum PlayBrasilmobil, podem servir a fins educacionais, até mesmo no exterior. Parabéns aos professores, pela sensibilidade de perceber esse elo entre o lúdico e o pedagógico. E viva a língua portuguesa, inculta e bela!


Exposição de Playmobil serve de material didático em curso de Português
Exposición Playmobil sirve a la enseñanza de portugués a extranjeros
Playmobil exhibition is used to teach Portuguese for foreigners

.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

A VOLTA DA ESTRELA


Passeando pelos arquivos online de jornais, encontrei uma notinha interessante, que compartilho com os amigos: a volta do Playmobil, fabricado no Brasil – dessa vez pela Estrela.

A boa notícia foi publicada no suplemento infantil Folhinha, do jornal Folha de São Paulo, em 10 de abril de 1993, que tratava das novidades da Abrin (feira nacional de brinquedos) daquele ano. O título da pequena reportagem era: "Playmobil tem piratas e circo".

Conforme se lê acima, o brinquedo voltaria às lojas em junho daquele ano, depois que a Trol entrou em processo de falência e deixou de produzir o Playmobil. E a nota ainda completa: o preço da caixinha mais barata sairia por 3 dólares (algo em torno de R$ 12 hoje em dia), enquanto a maior caixa alcançaria 70 dólares (R$ 280). Alguém ficou com saudade?


O fato é que a Estrela comercializaria o Playmobil produzido em solo nacional até o fim dos anos 90, quando então o brinquedo sumiria das prateleiras por uns tempos, retornando anos depois via importação da Argentina. A história completa da Estrela você encontra clicando aqui.



.

quinta-feira, 7 de abril de 2016

100 MIL VISITANTES


É com grande alegria que este blog anuncia a passagem do visitante número 100 mil!

Num mundo virtual onde os espaços pessoais que falam de brinquedos estão cada vez mais em baixa, é mesmo muito significativo que este blog tão personalista, criado sem maiores pretensões wm 2009, alcance esta marca! Dá um Maracanã lotado de gente (ops, refiro-me ao antigo estádio... na arena atual, mal cabem 80 mil). A presença e a participação dos amigos é o verdadeiro tesouro que agora celebramos!

Bom, como é impossível saber exatamente quem foi o centésimo milésimo visitante, deixo meu agradecimento a todos os internautas e fãs de Playmobil que por aqui já passaram, aos que estão lendo agora este post, e aos que ainda vão dar uma olhadinha nestas páginas.

Sejam sempre bem-vindos!


O blog que você está lendo ultrapassou a marca dos 100 mil visitantes
Este blog que ahora lees ya tiene más de 100.000 visitantes
This blog you are visiting has reached over 100,000 visitors


.

terça-feira, 22 de março de 2016

COMPRO OURO


Epa! O título desse post nada tem a ver com aqueles papeizinhos que a gente recebe quando anda pelo Centro da cidade: "Compro ouro, joias e cautelas"... Na verdade, o ouro que compro, de vez em quando, para enriquecer minha coleção, é esse das fotos: pecinhas avulsas de Playmobil.

Como os amigos deste blog sabem, sou do tempo do Playmobil da TROL, do fim dos anos 70, quando o boneco era quase todo de uma cor só e a variedade de peças que o adornava era pequena e vinha em quantidades mínimas em cada caixinha. Muita coisa mudou ao longo do tempo e, hoje em dia, há milhares de itens originais (fabricados pela empresa alemã Geobra) que podem ajudar a compor os mais diversos cenários: de um notebook a um motor de lancha, de um telefone celular a uma manjedoura.

Portanto, sempre que posso, aproveito para comprar essas pecinhas tão pequeninas e tão queridas. Essas da foto vieram de amigos vendedores que juntam várias "quinquilharias" em lotes e as vendem a preço acessível, sem exageros – pois, na maioria, são também colecionadores e sabem o prazer de criar um bonito cenário Playmobil. Aliás, o diorama onde encaixarei essas peças eu fico devendo para uma próxima... Aguardem!


.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

LANCHINHOS MINEIROS


Oh, Minas Gerais... chegou a hora da caravana PlayBrasilmobil se encontrar com os amigos das alterosas. Dessa vez, em dose dupla! É que neste fim de semana ocorrem dois Lanchinhos Playmobil em sequência. No sábado (dia 27/02), o encontro de colecionadores e fãs acontece em Juiz de Fora. No domingo (dia 28/02), é a vez de Belo Horizonte fazer a festa.

A 51ª edição nacional do Lanchinho Playmobil (a primeira em Juiz de Fora) começa às 15h, na casa mais animada do Bairro Cascatinha. A taxa de inscrição no evento é de R$ 30 para adultos. Já o 52º Lanchinho Playmobil será na capital mineira, a partir do meio-dia, no restaurante self service Donna Margherita (Avenida Carandaí, 840), sem taxa de inscrição. Para saber mais detalhes e confirmar presença, escreva para o e-mail: cesar@clubedeideias.com

Desde já este blog deseja uma ótima reunião aos amigos mineiros!


.

sábado, 6 de fevereiro de 2016

MAIS CAIXINHAS


Depois de um longo tempo sem adquirir novas caixas Playmobil, consegui retomar a coleção este mês. Peguei logo três caixinhas antigas, aquelas de 1-Clicky, fabricadas ainda na década de 1970. Agora tenho 24 caixas desse tipo. Acredito que a TROL tenha produzido naquela época 30 referências no total. Portanto, me falta bem pouquinho pra fechar essa parte do meu catálogo!   

Foram acrescentados à coleção: o operário azul (código de referência TROL 23.31.4), a rainha (TROL 23.33.5) e o banqueiro do Velho Oeste (TROL 23.34.6). Todas as caixas estão em bom estado de conservação (há alguns rasgos de fita durex, inimiga mortal dos colecionadores que gostam de embalagens em perfeito estado... rs!) e com os referidos bonecos e peças dentro delas. 

A encomenda veio de São Paulo, das mãos do colecionador Vlad Leisnock, que mantém o blog Playmobil – Em busca das caixas perdidas. Aliás, quem quiser ver as duas dúzias de caixinhas simples que consegui amealhar nesses últimos anos, pode dar uma conferida no meu outro blog: Playmoboxes. E a brincadeira continua! 




Operário, Rainha e Banqueiro: novas caixas vintage na coleção
Obrero, Reina y Banquero: nuevas cajas Playmobil en mi colección
Worker, Queen and Banker: new vintage boxes in my collection



.

sábado, 23 de janeiro de 2016

RECREIO DE NOVO


Começando o ano com uma boa notícia para os fãs de Playmobil: em pleno Carnaval, a Revista Recreio vai repetir a promoção que fez o maior sucesso ano passado. A edição n° 830, que estará nas bancas a partir do dia 4 de fevereiro, vai trazer como brinde um boneco Playmobil.

Pelo que se percebe na propaganda acima, serão as mesmas figuras masculinas e femininas da última promoção (veja a lista aqui). Uma boa chance de conseguir agora os bonequinhos que faltaram daquela vez! A capa da edição n° 830 será sobre a Idade Média, ilustrada por um cavaleiro medieval. O preço da revista é de R$ 12.

Correndo pras bancas em 3... 2... 1... Fui!


.

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

PRESENTINHO



Poucos dias antes de encerrar o ano de 2015, chegou até minha casa um aviso da Fedex, informando que eu deveria pagar impostos ao governo para receber uma encomenda originária da Alemanha. Logo entendi que se tratava de algo relacionado ao Playmobil, provavelmente um presentinho de fim de ano.

Entrei em contato com o serviço de entregas e expliquei que não iria pagar o valor cobrado – afinal, era pra ser um PRESENTE, não? Assim, ficou combinado que a encomenda seria devolvida a seu remetente. Passados mais dois dias, apareceu na portaria do meu prédio uma caixa vinda da Alemanha, dessa vez sem o aviso de cobrança. Após novo contato com a Fedex, descobri que a Geobra, fabricante do brinquedo, havia pago os valores e, enfim, pude abrir a caixa.

Que belezinha encontrei nela: uma pequena garrafa térmica com o logotipo Playmobil, junto a dois saquinhos de capuccino, tudo embalado numa caixa azul com figuras dos bonecos. Pra completar, ainda havia um cartão de Natal, assinado pela equipe do Playmobil Collectors Club, o clube mundial de colecionadores, gerido pela fabricante.

A lembrancinha é enviada pela Geobra aos principais colaboradores que ajudam, de alguma forma, a coordenar as compras coletivas em cada país. No caso, este blogueiro e mais três amigos prestam assistência à fabricante quando os colecionadores brasileiros se reúnem, uma vez por ano, para comprar diretamente da fábrica.

E já que fim de ano é época de receber presentes e de renovar as esperanças, admito que essa caixinha conseguiu cumprir bem seu duplo papel! E que venha 2016!






Um brinde de fim de ano entregue pela fabricante do Playmobil
Un obsequio de Geobra para cerrar bien el año
A new years gift from Geobra


.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

LANCHINHO PLAYMOBIL n#50


Embora já tenha ocorrido, faço questão de registrar neste espaço a celebração do 50º Lanchinho Playmobil. Realizado em São Paulo, no dia 13 de dezembro, reuniu adultos, crianças e famílias em torno do boneco - com direito a amigo oculto, montagem de dioramas e muita animação.

Este blogueiro, que participou do primeiro encontro de colecionadores do brinquedo, organizado no longínquo ano de 2009, e de muitos outros encontros que vieram depois, se sente feliz em ver que o evento se consolidou e hoje alcança um número tão expressivo. Importante ressaltar a garra do criador dessa festa, o empresário César Ojeda, que consegue agregar tantos fãs, colecionadores e simpatizantes em ambiente tão familiar e aconchegante, sempre de braços abertos e sorriso largo.

Que venham mais e mais Lanchinhos... e mais e mais amigos!


Bonecão gigante saúda os visitantes na entrada do 50º Lanchinho Playmobil
Un Click gigante saluda los visitantes del Lanchinho Playmobil
A giant Playmobil welcomes all visitors of the 50th Lanchinho Playmobil


quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

BRINDE COLORIDO


Para iniciar bem este mês de dezembro, recebi em casa, pelos Correios, um curioso boneco Playmobil. A figura, de mãos fixas, relembra os antigos modelos com que brinquei na infância. A diferença é que este é todo colorido: da cartola aos pés.

O item foi criado como brinde de três anos do Playmobil Collectors Club, o Clube Mundial de colecionadores mantido pela fabricante Geobra. Todo associado que renovou sua anuidade dentro do prazo estipulado receberá esta figurinha especial, chamada Rainbow Klicky (código 30795053).

O detalhe é que cada boneco é mesmo único, pois são produzidos na fábrica de Malta com uma combinação de polímeros que se mescla de forma aleatória, gerando um padrão de cores sem par. Embora tenha sido idealizada só agora em 2015, a figura traz nos pés o ano de criação do molde: 1974, o mesmo ano de nascimento do primeiro Playmobil.

Considerando o dia nublado que se abateu sobre o Rio, e o ano plúmbeo que promete vir adiante para o País, nada melhor do que escapar por alguns instantes para o multicolorido mundo Playmobil!



Um bonequinho singular no universo Playmobil
Una figura ímpar en el mundo de los Clicks
A unique figure within the Playmobil cosmos


.

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

CAIXINHAS DA ESTRELA


Vira e mexe, este blogueiro metido a colecionador dá uma olhada nas caixinhas antigas que ficam guardadas num armário só delas. É uma maneira de checar se está tudo OK com as embalagens e também de matar a saudade dos antigos brinquedos. Desa vez, revi minha coleção de caixas de 1-Clicky da Estrela, a fabricante nacional que produziu o Playmobil na década de 1990.

Tenho apenas cinco caixinhas, de um total de 10 fabricadas pela Estrela nesse tamanho. Elas têm dimensões menores do que as clássicas caixas da TROL: 10,5 por 7 cm. Dá pra perceber que não estão em perfeito estado de conservação, mas "orgulhosamente" já participaram de várias exposições realizadas pelo Fórum PlayBrasilmobil, sem fazer feio para o público.

As caixas comigo são:
- 30.10.01 - capitão pirata
- 30.12.02 - ciclista
- 30.18.01 - robô
- 30.20.01 - mergulhador
- 30.20.02 - pescador

Para quem quiser ver as demais caixas do catálogo de 1995 editado pela Estrela, sugiro uma passada neste tópico AQUI.






Caixinhas simples fabricadas pela Estrela
Cajas de 1-Click fabricadas por Estrela
1-Clicky boxes made in Brazil by Estrela



.

sábado, 21 de novembro de 2015

COMPRAS COLETIVAS 2015


Mantendo a tradição anual, participei no mês passado das compras coletivas organizadas pelo Fórum PlayBrasilmobil junto ao Clube Mundial de Colecionadores de Playmobil (Playmobil Collectors Club). Dessa vez, encomendei apenas três caixinhas, e ainda nem abri todas.

A primeira delas é a do soldado prussiano (código Geobra 30794863), figura comemorativa lançada em 2015 como souvenir do Landesmuseum Koblenz, museu alemão à beira do Rio Reno. O militar vem uniformizado em tons de azul escuro e carrega um estandarte relativo à Prússia, extinta nação europeia que dominou o continente no século 19. Esta foi a única caixinha que abri.

As demais são as caixas comemorativas de Martinho Lutero (que bateu recorde de vendas logo após seu lançamento, em fevereiro de 2015, com 34 mil unidades vendidas em 72 horas) e da Ronda Noturna (baseada no quadro de Rembrandt exibido no museu holandês Rijks Museum). Pretendo falar melhor dessas duas aquisições tão logo as retire de suas embalagens. Mas a brincadeira fica pra outra hora...




Caixas comemorativas Playmobil lançadas em 2015
Cajitas conmemorativas de Playmobil lanzadas en 2015
Playmobil exclusive boxes released in 2015


.